Saúde Legal

2014: um ano sobre sexo, polêmicas, costumes e muitas dicas legais

Relembremos juntos os principais temas do Saúde Legal.
por Jeferson Machado
26/12/2014 10:36h

O ano de 2014 vai se aproximando do fim. E você já fez o seu balanço anual? Já refletiu sobre o que precisa realizar em 2015? E sobre o que realizou em 2014? Este foi um grande ano, e junto com você, eu gostaria de relembrar alguns dos principais momentos que vivemos aqui nesse espaço.

Sexo - sempre o assunto mais debatido e acessado.

Em agosto, a matéria "Qual o tempo ideal de duração da relação sexual?" nos rendeu milhares de acesso. As respostas chegaram a ser surpreendentes para a maioria dos internautas e tirou muitos mitos da cabeça. E por falar em mitos, a matéria "Tomar pílula por muito tempo dificulta engravidar?" trata de uma dúvida ainda muito comentada em consultórios e farmácias.

Ainda se tratando do assunto, as mulheres também foram palco de atenção em "Falta de desejo sexual nas mulheres supera a ausência de orgasmo como problema", abordando uma mudança que as vem afetando psicologicamente. Para fechar o ano com a mulherada em foco, vale a pena relembrar sobre "Produtos que prometem aumentar o tamanho dos seios funcionam?".

 

Polêmicas - principalmente quando se trata de drogas.

Logo no início do ano, a matéria "Conheça os efeitos e danos do rebite, muito utilizado por caminhoneiros e estudantes" tratou sobre algo que parece banal em nossa região, mas na verdade se trata de um problema grave e que deve ser tomado consciência. Continuando essas loucuras cometidas por jovens, uma nova forma de se drogar também chamou a atenção durante 2014 em "Remédio para cavalos é utilizado em festas ou durante o sexo".

Em "Estudantes e concurseiros fazem uso de medicamento para ajudar nos estudos e provas" procurei abordar uma preocupação nacional, algo que vem chamando a atenção da Polícia Federal e Anvisa.

 

Comportamento

Tivemos "Cochilo após o almoço pode ser prejudicial, saiba qual o tempo recomendado", o qual inclusive chegou a ajudar até a mim mesmo. Ainda na qualidade de vida teve "Sofrer por antecipação pode causar mais sofrimento do que a depressão", assunto que afeta a vida da pessoa que sofre desse mal.

O álcool, sempre tem também sua participação em alta, e esse ano foi em "Um mês longe do álcool pode trazer resultados surpreendentes para a saúde". Por último, as redes sociais fecham o ano com algo que muitos já desconfiavam: "Redes sociais viciam mais do que sexo e cigarro e pode te deixar depressivo e desconfiado".

 

Clínica

É gripe ou dengue? E foi em "Gripe, dengue ou resfriado? Saiba diferenciar os sintomas de cada uma das doenças" que a resposta veio para clarear um pouco a dúvida. Ainda se tratando de dúvidas clínicas, um outro ponto que confunde bastante a cabeça das pessoas foi tratado em "Como reconhecer os sintomas de apendicite".

2014 foi um ano muito quente e de altas temperaturas, e a previsão é de que 2015 seja um pouco mais ainda, por isso é importante rever "Calor provoca dores de cabeça, mau humor e aumenta risco de infarto".

 

Curiosidades e descobertas

O ano também foi repleto de curiosidades e novos produtos e achados científicos. Em "Produtos que prometem aumentar o tamanho dos seios funcionam?" tratei sobre algo que vem se espalhando de forma absurda na internet. Os avanços tecnológicos foram bastante acessados em "Anticoncepcionais podem ser substituídos por um Chip que dura 16 anos", e também em "Anticoncepcional masculino está cada vez mais perto de chegar ao mercado".

Fechando o tema, tivemos esse ano uma das melhores descobertas e que deixou muita gente feliz e esperançoso: "Encontrada a cura do câncer? Semente de planta da Austrália consegue destruir tumores em humanos e animais".

 

2015, o que virá por aí?

Bem, meus caros leitores. Isso é apenas um pedacinho do que aconteceu em 2014. No ano que vem, espero estar junto com vocês novamente, e sempre com ótimas notícias, buscando levar saúde e informação a cada um que acessa este espaço. Já estou preparando também uma super novidade para 2015, e que sabe até um livro.

Desejo a todos um feliz ano novo, com muita paz e saúde. Obrigado por seu acesso!

Jeferson Machado Santos.CRF-SE: 658.

Farmacêutico pela Universidade Federal de Sergipe - UFS.Habilitação em Bioquímica Clínica pela Universidade Federal de Sergipe - UFS.Especialista em Administração de Empresas pela FIJ-RJ.Especialista em Farmacologia e Interações Medicamentosas pela Uninter-IBPEX.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo