Apresentadora da TV Sergipe é alvo de queixa policial por exercício ilegal da profissão

Sindicato dos Radialistas presta B.O contra apresentadora da TV Sergipe.
por Redação do Portal Itnet
22/05/2015 17:28h
Atualizado em 22/05/2015 17:53h

O presidente do Sindicato dos Radialistas, Fernando Cabral, prestou um Boletim de Ocorrência na manhã desta sexta-feira (22) na 3ª Delegacia Metropolitana de Aracaju contra a apresentadora da TV Sergipe, que segundo o sindicato estaria apresentando programa sem DRT.

Maysa Reis ao lado de Menilson Filho apresentadores do Combinado da TV Sergipe (Foto: Divulgação / TV Sergipe)

De acordo com o sindicato, a apresentadora Maysa Reis está exercendo a função sem o competente registro profissional no "Programa Combinado" da TV Sergipe, afiliada da TV Globo, todos os sábados a partir das 14 horas.

Fernando Cabral prestou um Boletim de Ocorrência na 3ª Delegacia Metropolitana

Representantes do sindicato foram à emissora e pediram o registro profissional de Maysa, como o mesmo não foi apresentado foi protocolado a queixa policial. O exercício ilegal da profissão é contravenção penal prevista em lei, passível de propositura de ação civil pública.  Caso semelhante ocorreu em agosto de 2013, quando o sindicato uma queixa contra o ex-prefeito de Capela, Manoel Sukita, acusando-o de exercício ilegal da profissão de radialista.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo