Jackson Barreto inaugura e visita obras em quatro municípios do Agreste

Investimentos nas áreas de infraestrutura, educação, esgotamento sanitário e esporte somam mais de R$ 154 milhões
por Redação do Portal Itnet
30/01/2016 10:17h

Em Itabaiana, o governador visitou as obras do segundo maior ginásio poliesportivo do estado, que está sendo erguido com recursos do Programa Sergipe Cidades. A construção do espaço funciona como incentivo ao desenvolvimento dos esportes no interior, especialmente do vôlei, basquete e futebol de salão, modalidades muito praticadas em Sergipe.

Com ordem de serviço assinada em novembro, o ginásio poliesportivo está com 15% dos serviços executados. O local terá 2.200 lugares e está orçado em R$ 13.599.402,40.

Além da quadra, o governador visitou as obras da Rota do Agreste, a rodovia SE-255, e a 1ª etapa do Sistema de Esgotamento Sanitário. Com 52 km de extensão a nova rodovia interligará a BR-235, na altura do povoado Rio das Pedras, em Itabaiana, à BR-101, no povoado Aningas, em Itaporanga D'Ajuda, passando também pelos municípios de Areia Branca e São Cristóvão. Fruto de um investimento superior a R$ 63 milhões, sendo mais de R$ 58 milhões de recursos oriundos do Proinveste e aproximadamente R$ 5 milhões referentes às indenizações pagas pelo Estado pelas desapropriações, a obra além de valorizar a localidade e melhorar a condição de vida da população, é estratégica por encurtar a distância entre os municípios produtores sergipanos e o mercado consumidor baiano, para onde boa parte dos produtos produzidos na região são exportados. Somados, os dois investimentos no município de Itabaiana somam R$ 76.599.402.

As obras do sistema de esgotamento sanitário, orçado em mais de R$ 60 milhões, vai dotar o município de Itabaiana de uma cobertura de quase 100% em saneamento básico. Também faz parte dessa obra a macrodrenagem de diversas localidades da sede do município que sofre com enchentes na ocasião das chuvas. “Com a macrodrenagem vamos cessar as enchentes nas ruas de Itabaiana”, acentuou o governador.O sistema de esgotamento sanitário também vai promover a despoluição do açude Marcela, que atualmente é usado para o despejo dos dejetos sanitários da cidade. Este açude, ao ser despoluído, poderá ser utilizado para o lazer e a prática de esporte náutico.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo