Em Itabaiana, governador inspeciona obras de R$ 137 milhões

Somente no sistema de esgotamento sanitário o investimento é de R$ 60 milhões
por Redação do Portal Itnet
31/01/2016 11:20h

Após entregar obras nos municípios de Areia Branca, Nossa Senhora Aparecida e Carira, o governador Jackson Barreto seguiu na tarde desta sexta-feira, 29, para o município de Itabaiana para inspecionar a construção do ginásio poliesportivo, da 1ª etapa do Sistema de Esgotamento Sanitário de Itabaiana e da rodovia que liga o município do agreste até Itaporanga D'Ajuda. As três obras estão orçadas em mais de R$ 137 milhões. O governador estava acompanhado do presidente da Assembleia Legislativa, Luciano Bispo, do deputado federal Fábio Mitidieri, do deputado estadual Garibaldi Mendonça e de secretários de Estado.

Além das três obras inspecionadas, o governo de Sergipe também está executando obras de abastecimento de água no município, cujo investimento ultrapassará os R$ 50 milhões. "Estamos investindo mais de 200 milhões em Itabaiana. Temos que governar com os olhos no futuro, vislumbrando sempre a saúde e a qualidade de vida da população. No meu governo em primeiro lugar está o ser humano", afirmou Jackson Barreto.

O ginásio poliesportivo será o segundo maior do estado e está sendo erguido com recursos do Programa Sergipe Cidades. Já a Rota do Agreste é construída com recursos do Proinveste. A construção do sistema de abastecimento de água é através do Programa Águas de Sergipe.

O governador disse que conseguiu cerca de R$ 300 milhões junto ao Governo Federal para a construção e instalação do sistema de tratamento e esgoto sanitário de Itabaiana e Lagarto. De acordo com Jackson, os dois municípios passarão a ter uma cobertura de 100% em rede de esgoto.

O governador Jackson Barreto afirmou que as obras se completam pelo fato de terem como principal preocupação elevar a qualidade de vida da população. Com o ginásio, ele disse que o governo está oferecendo oportunidade para aqueles que desejam praticar um esporte, especialmente aos jovens. Já a nova rodovia, além de estreitar as distâncias, vai facilitar o escoamento da produção agrícola da região do agreste para o centro sul do estado, fomentando a economia das duas regiões. Quanto ao sistema de tratamento e esgotamento sanitário, Jackson Barreto revelou que representa um investimento na saúde da população.

 

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo