Saúde e Ciência

Jackson buscou ampliação de recursos para saúde do estado, em Brasília

O ministro Marcelo Castro mostrou-se sensível aos apelos do governador
por Redação do Portal Itnet
06/03/2016 11:55h
Atualizado em 06/03/2016 16:58h

O governador Jackson Barreto dedicou a semana ao cumprimento de agenda administrativa em Brasília, em audiências com a presidente Dilma Rousseff, ministros e presidentes de órgãos e instituições estratégicos para garantir apoio às políticas de desenvolvimento no estado. Foram 17 audiências em quatro dias.

Jackson solicitou ao ministro um aumento do cofinanciamento federal com um aporte mensal da ordem de R$ 5 milhões para fazer frente às despesas referentes à reestruturação e qualificação da rede de referência na atenção hospitalar e especializada. Ele explicou que quatro hospitais regionais foram reformados e ampliados e dois novos foram construídos. Juntas, as unidades registram mais de 50 mil atendimentos.

O ministro Marcelo Castro mostrou-se sensível aos apelos do governador. "A gestão deve ser dividida entre os entes federados e o Governo Federal vai fazer sua parte. Vamos mandar uma equipe para qualificar a gestão de Sergipe, analisar a produção e gerar créditos no sistema para o Estado", disse o ministro.

Jackson Barreto enfatizou que essas obras são fundamentais para melhorar a qualidade de vida das populações beneficiadas e destacou que esse tipo de intervenção urbana diminui a incidências de doenças relacionadas ao mosquito Aedes Aegypti. "Em tempos de Zika, dengue, chikungunya, obras de saneamento básico são fundamentais para combater o mosquito, além de outras doenças", disse o governador. Henrique Pires ficou de fazer algumas liberações ainda essa semana.

 

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo