Política

Deputada denuncia funcionário fantasma na Alese ganhando R$ 18 Mil

Assessoria de Comunicação afirma que uma sindicância deverá ser aberta, a fim de apurar a afirmação da parlamentar.
por Redação do Portal Itnet
08/03/2016 08:33h
Atualizado em 08/03/2016 08:36h

Por Iane Gois

No discurso da última segunda-feira (7), a deputada por Sergipe Ana Lúcia Vieira (PT) denunciou a existência de funcionário fantasma na Assembleia Legislativa de Sergipe (Alese) recebendo mensalmente R$ 18 Mil.Segundo a parlamentar, trata-se de um servidor antigo, haja vista nunca ter havido concurso público, que não comparece ao setor, mas faz uso das redes sociais para depreciar o Partido dos Trabalhadores (PT) e seus membros.

"Uma coisa é ser assessor parlamentar, que tem a finalidade de trabalhar e dialogar com a sociedade sobre o mandato de cada deputado, ele não dá um expediente o tempo todo aqui, tá no Estado, nos espaços, tem uma multiplicidade de funções. O que eu falo é um funcionário antigo, aqui nunca existiu concurso público, portanto os funcionários vinham de outras repartições", afirma Ana Lúcia Vieira.

Apesar de ser questionada pela imprensa sobre a identidade do servidor, a parlamentar preferiu não fazer a revelação, ainda que indignada com a postura. "Eu exemplifiquei esse caso porque eu sei quem é, os funcionários afirmam que ele não vem prestar serviço à Casa, mas não vou delatar ninguém, vão dar a desculpa que está cedido. Cedido e não vem produzir para a Casa? Isso também é corrupção. Ele vive nas redes sociais xingando os petistas, colocando que todo petista é petralha, é ladrão, ele generaliza e sabe que a maioria dos petistas são sérios, honestos, trabalhadores, que produzem a riqueza dessa nação".

Atento ao pronunciamento, o presidente da Casa, Luciano Bispo de Lima (PMDB), não fez nenhuma argumentação, mas a assessoria de comunicação já assegurou que as medidas cabíveis serão adotadas, inclusive com a abertura de sindicância para apurar a denúncia.

*Com informações do portal Infonet

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo