Operação policial na Câmara de Vereadores de Aracaju

Casa de ex-vereador também é alvo da justiça.
por Redação do Portal Itnet
31/03/2016 07:42h
Atualizado em 31/03/2016 14:34h

A Secretaria de Segurança Pública de Sergipe, por meio do Departamento de Repressão aos Crimes contra a Ordem Tributária e Administração Pública (Deotap) da Polícia Civil, e o Ministério Público Estadual (MP) apresentam às 8h da manhã desta sexta-feira, 1º, na Academia de Polícia Civil (Acadepol), os detalhes da operação "Indenizar-se".

Lista de vereadores investigados:

(Foto: Portal Infonet)

O objetivo da operação foi cumprir mandados de busca e apreensão em seis alvos distintos em Aracaju e Barra dos Coqueiros. A instauração do Inquérito Policial pela Deotap foi requerido pelo MP e visa apurar desvios de verbas de indenização de vereadores do município de Aracaju, através da utilização fraudulenta de serviços advocatícios não prestados e locação de veículos mediante contratos fictícios. Por meio da investigação, observa-se clara intenção de apropriação indébita de verbas públicas com destinação específica.

Na casa do e ex-vereador Alcivan Menezes, foram apreendidas três armas, segundo informações repassadas pela imprensa de Aracaju. Mandados de busca e apreensao também foram cumpridos no escritório do vereador Emanuel Nascimento. O Ministério Público foi provocado pelo presidente do Tribunal de Contas do Estado, Clóvis Barbosa de Melo, que pediu fossem feitas as inestigações.

Com informações da SSP/SE e Ne Notícias.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo