Política

Gabriel Oliveira lidera com folga pesquisa do Dataform em Frei Paulo

Grande aprovação do atual gestor, Zé Arinaldo, alavanca candidatura do favorito. Oposição encontrou dificuldades por alta rejeição do candidato
por Redação do Portal Itnet
29/09/2016 16:23h

Nas vésperas da disputa pela prefeitura de Frei Paulo, com o clima eleitoral tomando conta da cidade inteira, uma questão jurídica quase impediu a publicação de mais uma pesquisa Dataform. Mas, exercendo o seu direito, o instituto conseguiu derrubar liminar que tentava impedir a população de ter acesso aos números e, por isso, nesta edição especial de O Voto, temos pesquisa feita com 400 entrevistas, margem de erro de 5%, intervalo de confiança de 95%, realizada em 19 de setembro de 2016.

Antes de irmos direto aos dados do embate em si, um adendo: Zé Arinaldo, DEM, atual prefeito da cidade é um dos mais bem avaliados em todo o Sergipe. Para os entrevistados ele é bom para 45,50%; ótimo, 28,00%; regular, 9,25%; péssimo, 8,25%; ruim, 7,25%; Não Soube/Não Respondeu, 1,75%. Somando-se os índices ótimo, bom e regular, Zé Arinaldo tem a aprovação de 82,75%.

E muito por conta dessa boa aprovação, o candidato por ele apresentado, Gabriel Oliveira, DEM, aparece com ampla vantagem sobre o adversário oposicionista, Anderson de Zé das Canas, PMDB. E essa liderança se apresenta em todos os cenários apresentados, a exemplo da pesquisa estimulada, em que o entrevistado tem acesso aos nomes dos candidatos. Gabriel Oliveira é o mais citado, com 52,50% das intenções de votos. Anderson vem em seguida, com 37,25%. Indeciso, 4,25%; Não Soube/Não Respondeu, 3,75%; Nulo/Branco, 2,25%.

VOTOS VÁLIDOS E REJEIÇÃO

Como o somatório do total de branco, nulo, não soube, não respondeu e indeciso fica abaixo de 20%, seguindo indicação do Datafor, foram calculados o total de votos válidos. Nesse cenário, a diferença se amplia ainda mais: Gabriel Oliveira vai a 58,50% e Anderson fica em 41,50%.

Um dos indicativos que reforça a eleição de Gabriel Oliveira no próximo domingo como prefeito de Frei Paulo, aliás, um dos mais jovens do Estado, com apenas 23 anos, é o alto índice de rejeição de seu adversário. Anderson de Zé das Canas é rejeitado – quando o entrevistado responde em quem não votaria de maneira nenhuma – por 48,75%; Gabriel, 35,00%; Não Soube/Não Respondeu, 12,25%; Nulo/Branco, 4,00%.

Não se trata de nenhuma novidade a força que uma candidatura à prefeito, sendo apoiada pela gestão que estiver à frente da cidade, possui. Mas, diante do desgaste da classe política e dos problemas que a crise econômica criou para a maioria das cidades, a liderança de Gabriel reforça a capacidade de Zé Arinaldo à frente da administração de Frei Paulo. Mesmo ao final de seu segundo mandato, quando o desgaste é natural, Zé consegue finalizar a gestão com mais de 80% de aprovação. E a transferência disso para a candidatura por ele apoiada se deu de forma efetiva.

Vale destacar ainda que Anderson, mesmo estando em campanha a bem mais tempo que Gabriel, não conseguiu mostrar ao eleitorado que a hora, nesta eleição, era de trocar o grupo atualmente no poder por outro. Tanto é que, ao longo da campanha, Anderson sempre foi o mais rejeitado. E Gabriel Oliveira, com a força política de Zé Arinaldo, conseguiu comprovar, durante o processo eleitoral, que representará uma mudança, por ser jovem, mas que manterá as conquistas, por ser apoiado e do grupo que deu sustentação aos dois mandatos de Zé Arinaldo em Frei Paulo. A pesquisa Dataform foi contratada pelo Centro de Informações Comerciais Eirelli – EPP e está registrada na Justiça Eleitoral sob o número SE – 09044/2016.

Fonte: Cinform.

Gostou? Compartilhe:

Comentários
Veja Também