Policial

Encomenda seria entregue em Itabaiana a pedido de presidiário de Tobias Barreto

Polícia investiga possível envolvimento do suspeito na fuga de detentos do presídio de Glória (SE).
por Iane Gois
24/10/2016 10:31h
Material apreendido seria entregue na cidade de Itabaiana (Foto: Ascom /SSP-SE)
Material apreendido seria entregue na cidade de Itabaiana (Foto: Ascom /SSP-SE)

Uma denúncia anônima levou a polícia à interceptação de um táxi clandestino e consequente apreensão de 17kg de maconha e diversas munições calibre 9mm na última sexta-feira (21), quando o taxista clandestino identificado como José Lins Baptista Junior, 52 anos, também foi preso.

De acordo com informações da delegada de polícia Mayra Moinhos, responsável pelo caso, o suspeito foi abordado por Agentes do Complexo de Operações Policiais Especiais da Polícia Civil (COPE) quando trafega por Areia Branca com destino a Itabaiana, onde a encomenda, supostamente enviada por um detento custodiado no presídio de Tobias Barreto, seria entregue a um desconhecido.

Ainda segundo a delegada, o taxista confirmou que fazia o transporte da droga à pedido de um presidiário e além da prisão, o acusado será investigado por possível envolvimento em fugas de detentos presídio de Nossa Senhora da Glória.

 “Até o momento sabemos que por atuar no transporte clandestino, José Lins costumava levar com frequência mulheres de presos custodiados nos presídios de Nossa Senhora da Glória e Tobias Barreto, chegando então a conhecer alguns presos, entre eles, o que havia feito o pedido para a entrega da droga. Agora as investigações vão se intensificar no sentido de averiguar se existe, de fato, alguma participação do suspeito na facilitação de fugas de presidiários ocorridas recentemente”, disse Mayra.

Fonte: SSP-SE

Gostou? Compartilhe:

Veja Também
Comentários