Economia

Contas de energia ficarão mais baratas em dezembro

Com desligamento das termelétricas, bandeira passará de amarela para verse, segundo a Aneel.
por Iane Gois
28/11/2016 09:02h

Por Iane Gois

As favoráveis condições hidrológicas no Brasil e o consequente desligamento das usinas termelétricas mais caras permitiram à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) não cobrar tarifação extra aos consumidores nas contas de luz do mês de dezembro, segundo divulgação da Agência.

Sem o custo, a bandeira tarifária, implementada em janeiro de 2015, que estava amarela passará para a verde, semelhantemente ao período de outubro a abril, quando os clientes tiveram o valor final da energia utilizada mais enxuto.

Bandeira tarifária

Criado como forma de recompor os custos extras decorrentes da utilização de energia gerada pelas usinas termelétricas, o sistema de bandeiras tarifárias gera um percentual de acréscimo no valor da conta a cada 100 kWh consumido.

As cores vermelha, amarela e verde indicam o custo conforme as condições de geração de eletricidade, sendo representadas como desfavorável, alerta e favorável, respectivamente.

Vista por muitos como uma forma de dividir com o consumidor as despesas oriundas do uso das termelétricas, o sistema de bandeiras tarifárias é defendido pela Aneel como uma forma diferente de cobrança de valor que já integrava a conta de energia através por meio do reajuste tarifário anual das distribuidoras.

Para a Agência, a bandeira tarifária não é um custo extra na conta de luz e garante maior transparência na prestação de serviço, propiciando ao consumidor informação mais detalhada e a conscientização do uso de energia elétrica de forma mais responsável.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo