Cidade

Deso fiscaliza furtos de água no sertão sergipano

Furtos de água fazem com que a Deso tenha um gasto acima do comum para abastecer as cidades.
por Redação do Portal Itnet
19/01/2017 09:42h

Com o objetivo de atender melhor à população do sertão de Sergipe, a Companhia de Saneamento de Sergipe – Deso realiza fiscalizações em municípios da região, visando identificar as retiradas indevidas de água que prejudicam o abastecimento.

Foto: Ascom Deso

De acordo com o gerente da Regional do Sertão, Marcelo Barreto, o trabalho é de fundamental importância e se concentra mais nas cidades de Poço Redondo, Porto da Folha, trechos de Aquidabã, Nossa Senhora de Lourdes e Gararu, embora o campo de atuação se estenda por toda a região. “Também focamos em algumas áreas do médio São Francisco, que passaram por investimentos, possibilitando aumento da oferta de água. No entanto, os furtos de água fazem com que a Deso tenha um gasto acima do comum para abastecer as cidades”, explicou.

O resultado dessas fiscalizações, junto à Polícia Civil, é a constatação de números alarmantes de desvios de redes, os chamados '‘gatos’'. “Em Aquidabã, por exemplo, fomos em alguns pontos da zona rural, acompanhados da criminalística e constatamos diversos furtos, com certeza esses moradores serão autuados. Já em Poço Redondo, superiores a 50% da população obtém água dessas fontes ilegais e em Porto da Folha houve localidades com mais de 70%”, disse Marcelo.

Ainda segundo o gerente, a água que é tratada e destinada para o consumo humano (prioritariamente), está sendo, muitas vezes, desviada para o consumo animal, deixando as pessoas desabastecidas. “Quem consome água oriunda de um desvio, faz um uso muito maior do que aqueles que fazem sua medição e pagamento de forma correta. Isso compromete o abastecimento de toda a população, considerando que no Alto Sertão nós trabalhamos com sistemas integrados, então qualquer retirada de água em um ponto da adutora, vai impactar em localidades mais distantes, como é o caso de Pinhão, Frei Paulo, Aquidabã, Cumbe e diversas outras localidades componentes do sistema”, finalizou.

Outros parceiros

Além da Polícia Civil, a Companhia contou com o apoio da Polícia Militar e do Ministério Público de Poço Redondo. A Deso relembra que denúncias de furtos de água podem ser feitas através do 0800 079 0195. A ligação é anônima.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo