Policial

PM prende dupla que roubou arma de policial militar

A dupla foi encaminhada para a Delegacia de Roubos a Ônibus, no Centro da capital
por Redação do Portal Itnet
10/02/2017 06:33h
Atualizado em 10/02/2017 06:46h

Por PM/SE.

O Batalhão de Polícia de Radiopatrulha (BPRp), com apoio da Polícia Civil, prendeu na tarde de ontem, 09, os dois indivíduos, um menor infrator e Samuel de Jesus Pereira, de 20 anos, naturais da Bahia, que roubaram a arma de um policial militar na tarde dessa última terça-feira, 07, dentro de um ônibus coletivo em Aracaju.

Desde o dia do ocorrido, equipes do BPRp realizavam buscas, e por volta das 16h30, os policiais receberam informações sobre o paradeiro dos suspeitos. Ao chegarem no endereço informado, na Rua das mangueiras, no Conjunto João Alves Filho, em Nossa Senhora do Socorro, os indivíduos notaram a chegada da viatura e correram para dentro da residência, tentando se evadirem, porém o adolescente se machucou, e foi capturado. Já o Samuel, tentando pular o muro da casa, caiu e também teve algumas escoriações.

Após várias revistas no interior da residência, foi encontrado a arma do policial, enterrada no chão dos fundos da residência, uma pistola .40, com 12 munições intactas e uma deflagrada, resultante do disparo acidental na luta corporal, dentro do ônibus, no dia do roubo. Por pouco o policial não foi atingido. Foi apreendido também, dois telefones celulares, produto de roubo.

O Samuel ainda tentou adulterar a numeração da pistola, mas não concluiu, permitindo a identificação clara da arma. Eles afirmaram que não sabiam de se tratar de um policial na hora do assalto, e após a luta corporal, fugiram com a pistola com medo de serem detidos.

O policial militar foi chamado para reconhecer os suspeitos e sua arma roubada, e na delegacia, foi confirmado que se tratava dos dois indivíduos que cometeram o delito.

A dupla foi encaminhada para a Delegacia de Roubos a Ônibus, no Centro da capital, para fazer a realização dos devidos procedimentos, e após confirmação dos fatos, os acusados foram autuados por prisão em flagrante e roubo majorado, aquele que é seguido de agressão e violência.

Gostou? Compartilhe:

Veja Também
Comentários