Política

Laércio responde: É feio Valadares dizer que sou um coordenador do Paraguai

Por Jozailto Lima
por Redação do Portal Itnet
10/02/2017 16:11h

Por Jozailto Lima.

O deputado federal Laércio Oliveira, SD, dá o processo de escolha da coordenação da bancada federal de Sergipe no Congresso por encerrado. Ele se declarou coordenador. “Nunca recebi tanto cumprimento na vida”, disse ele, em tom de brincadeira.

Laércio lamenta a reação do senador Antônio Carlos Valadares, PSB, em aceitar o resultado da votação que lhe botou lá com seis dos 11 votos da bancada de Sergipe. “Desde que me entendo por gente, nos processos de votação vence quem tem maioria”, diz Laércio.

Claro que Valadares faz objeções a esse princípio. O senador está alegando que o Regimento Interno da Comissão Mista do Orçamento exige que só se muda a Coordenação com três quartos dos votos da Câmara e dois terços dos do Senado.

“Isso não é verdade. Isso se aplica apenas à aprovação de emendas do orçamento, e está bem claro na resolução 01/2006-CN. Acho muito feio Valadares dizer que sou um coordenador do Paraguai. Ele está procurando se segurar num fio para se manter. Não precisa disso”, disse Laércio.

Este sentimento de que a fatura já foi liquidada e de que o choro de Vavazão não tem teto e nem abrigo legais já está sacramentado entre os governistas. “Quem escolhe o coordenador é a maioria da bancada. E a maioria escolheu Laércio. O resto é choro de oposição”, diz o deputado Fábio Mitidieri, PSD.

“Fica até feio para Valadares querer ser coordenador sem ter a maioria. Aonde já se viu isso? É como se Valadares Filho quisesse agora ser o prefeito de Aracaju sem ter vencido as eleições do ano passado”, completa Fábio.

Ontem mesmo Laércio já estava oficiando à Secretaria-Geral da Presidência da República a mudança da Coordenação. Em eventos na Presidência, falam os coordenadores de bancada. É uma função que tem lá seu peso.

http://jlpolitica.com.br

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo