Cidade

Sergipe volta a realizar transplante de coração após 11 anos

O primeiro transplante após 11 anos ocorreu no último domingo, 19, em Aracaju
por Redação do Portal Itnet
22/03/2017 07:46h

O estado de Sergipe estava há 11 anos sem realizar transplante de coração - pois nesse período nenhum sergipano precisou do órgão, então este era enviado para outros estados - mas voltou a realizá-lo no último domingo, 19, e o transplantado foi um homem de 57 anos. O coração que o fez “voltar a viver”, no dia do seu aniversário, veio do interior do estado, mais precisamente do município de Umbaúba.

Imagina a felicidade de quando não se tem muita esperança receber um órgão? Deve ser assim que esse senhor de 57 anos, que tem a identidade preservada e está em processo de recuperação, deve estar – muito feliz. Por isso a necessidade de ser um doador de órgãos. Quem doa, ajuda a salvar vidas.

O coração que veio de Umbaúba foi doado pela família de uma jovem de 26 anos que estava internada com traumatismo craniano. É importante sempre comunicar à família quando a pessoa quer doar os órgãos, pois esse procedimento somente é feito com a autorização dos familiares.

Gostou? Compartilhe:

Veja Também
Comentários