Política

Reforma trabalhista: saiba como se posicionaram os deputados sergipanos sobre a urgência na votação do projeto

A urgência na votação foi aprovada, e o projeto deve ser votado até maio
por Redação do Portal Itnet
20/04/2017 07:55h
Atualizado em 20/04/2017 08:10h

Aconteceu ontem, 19, na Câmara dos Deputados, uma votação para decidir se o projeto que propões mudanças para os trabalhadores brasileiros, a chamada reforma trabalhista, será votado com urgência. A maioria dos parlamentares presentes votou sim, a urgência foi aprovada, e o projeto deve ser votado até maio.

Dos oito deputados sergipanos, três votaram a favor do regime de urgência, foram eles: André Moura, Jony Marcos e Laercio Oliveira. Os deputados Adelson Barreto, Fabio Mitidieri, Fabio Reis, João Daniel e Valadares Filho não veem necessidade da urgência na votação do projeto da reforma, por isso votam não.

No total, foram 287 votos favoráveis, contra 144 votos contrários ao regime de urgência. A base governista, que queria a aprovação, saiu vencedora e venceu a base da oposição. Agora, o projeto deve ser votado até maio, e se for aprovado, trará muitas mudanças para a vida dos trabalhadores brasileiros.

Como votaram os sergipanos:

 

Gostou? Compartilhe:

Comentários
Veja Também