Política

Maria nega ajuda de Amorim no valor falado

Por Jozailto Lima
por Redação do Portal Itnet
20/04/2017 09:31h
Atualizado em 20/04/2017 09:44h

O senador Eduardo Amorim, PSDB, está pagando um preço alto para não ser feliz, justamente na contramão daquilo que as pessoas ditas normais fazem. Depois de entrar e sair, por inconsistência da acusação, da lista de Facchin da Lava Jato, como alguém que teria levado vantagem financeira de construtora, ele concede entrevista a um semanário de Sergipe e afirma que custeou em 80% a campanha da senadora Maria do Carmo em 2014, além da do então genro dela, Mendonça Prado, a deputado federal.

Diante desse fato, a senadora Maria do Carmo, DEM, simplesmente nega. Nega e revela o índice aproximado da participação da ajuda dele. “Está na própria prestação de contas, que é pública e está disponível no site do TRE. Quando a gente soma as doações que ele fez não dão 48%”, refuta Maria do Carmo. Mendonça deve ter lá seus cálculos, mas, atravancado por outras agonias neste momento, não fala do assunto – ontem foi procurado exaustivamente por esta coluna e não atendia a nenhuma das chamadas.

http://jlpolitica.com.br

Gostou? Compartilhe:

Veja Também
Comentários