Opinião

Temer e o jeitinho brasileiro

Um ano depois, o Brasil quase trocou novamente o ocupante da cadeira de Presidente da República.
por Redação do Portal Itnet
03/08/2017 17:18h
Atualizado em 03/08/2017 17:58h

Por Júnior Carvalho, Editoral.

O Brasil assistiu durante todo o dia de ontem às cenas que irão eternizar-se na memória do país por muito tempo. Alguns dos deputados dirigiram-se aos microfones do plenário da Câmara Federal convictos de suas decisões, outros envergonhados e sem jeito soltavam chochos “sins” ou “nãos”, talvez pensando em como explicarão mais tarde uma posição que pode interferir em seus percursos eleitorais de 2018.

Muitos dos que votaram a favor do parecer apresentado na CCJ pelo Deputado Abi-Akel (PSDB), argumentaram que seria um desastre para o País colocar um Governo interino dentro de um outro provisório para que as investigações tivessem continuidade imediata. A aprovação do parecer do relator do processo, adia as investigações de um crime que se tornou público para depois do dia 31 de dezembro de 2018, quando Temer deve deixar o cargo de Presidente, já que não há pretensões do mesmo em concorrer a qualquer cargo eletivo em 2018.

Enquanto em 2016, no decorrer do processo de impeachment da Presidenta Dilma, muitos dos brasileiros não sabiam se quer explicar qual o tal de “crime de responsabilidade fiscal” que ela tivera cometido, o cenário de 2017 é totalmente oposto. As gravações em que uma conversa onde crimes estão explícitos tornaram-se públicas no mês de maio deste ano e todos os brasileiros ouviram falar do caso de alguma forma.

No final das contas, o mestre em política Michel Temer, distribuiu doses do peculiar jeitinho brasileiro e deve permanecer, sob poucos protestos, no cargo até dezembro de 2018.

Participe do debate em nosso Mural de Recados.

Ao final desta página ou na página inicial do Portal Itnet, acesse nosso mural de recados, faça o login de forma rápida e simples com o Facebook ou crie uma conta, e comente usando a opção de tema “Política”, sobre esse texto acima. Acesse http://itnet.com.br/muralderecados/

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo