Cidade

Grupo Terço das Mulheres completa um ano de atuação em Itabaiana. Conheça a história

O grupo tem hoje 30 mulheres assíduas e um grupo do WhatsApp com aproximadamente 100 pessoas.
por Redação do Portal Itnet
18/09/2017 09:43h

Por Taís Cristina

No último dia 13 de setembro o grupo Terço das Mulheres completou um ano de atuação em Itabaiana. Trata-se de uma reunião de mulheres que rezam o terço nas casas das integrantes do grupo e também de outras pessoas, unindo a fé de uma com a fé das outras.  O grupo tem hoje 30 mulheres assíduas e um grupo do WhatsApp com aproximadamente 100 pessoas. São mulheres que abrem mão de um pouco de seu tempo para demonstrar a fé, sentimentos bons e palavras de consolação a quem precisa de oração.

De acordo com Ellen Karine, uma das integrantes e fundadoras, “no início eram apenas conversas por WhatsApp, mensagens e vídeos motivadores. Porém as necessidades iam além e era preciso materializar de tal forma que aquele bem não estivesse restrito apenas a elas”.

A partir de então o grupo começou a se expandir e as ações aumentaram, tanto no dia a dia como de maneira virtual. As ações desenvolvidas pelo grupo são as seguintes:

* Pelo Facebook:

•            Todos os dias o Terço da Misericórdia às 15h
•            A Bíblia em nosso dia a dia as Terças, Quintas e Sábado as 16:30.
•            Terço em Honra a Nossa Senhora pelo Facebook às 19h (Exceto a terça-feira).

* Todas as Terças, às 19:30 em casa de Família.

* Na última Sexta do mês, às 19:30 Terço na casa de enfermo ou de alguma participante do grupo.

* Na 1ª Quinta do mês,  visitamos a Capela do Hospital de Itabaiana das 15h as 16h.

* Missa na 1ª Quinta de cada mês, na Paróquia de Santo Antônio e Almas de Itabaiana.

Inicialmente o grupo recebeu o nome de Terço das Amigas, mas hoje é chamado de Terço das Mulheres da Paróquia Santo Antônio e Almas, assim como já existia o Terço dos Homens. A fé e a união destas mulheres ajuda a levar a palavra de Deus e da Virgem Maria para aqueles que não creem, e assim espalham mais esperança de dias melhores.

 

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo