Educação

Portões da UFS estarão fechados nesta sexta-feira, 10, em adesão à paralisação nacional

A informação foi divulgada pela Associação dos Docentes da Universidade.
por Redação do Portal Itnet
09/11/2017 20:58h

Em assembleia geral realizada no último dia 07, os docentes presentes encaminharam as atividades para o Dia Nacional de Paralisação, agendado para acontecer em 10 de novembro. Convocado pelas centrais sindicais, a data representa uma concentração de esforços na luta contra as medidas de retrocesso do governo e contra os graves ataques aos direitos da classe trabalhadora.

A mobilização nacional acontecerá um dia antes da entrada em vigor da Reforma Trabalhista, aprovada em julho deste ano, com alterações que mexem em pontos como férias, jornada de trabalho, remuneração e plano de carreira. Paralisações, atos, panfletagens estão programadas nas universidades municipais, estaduais, federais e nos institutos federais, em conjunto com os técnico-administrativos e estudantes.

A categoria votou durante a assembleia realizar um bloqueio do portão de entrada da UFS logo cedo, com café da manhã e coletiva de imprensa. No período da tarde, haverá um ato público conjunto das entidades do serviço público no centro da Cidade, a partir das 15h, com concentração na pracinha do Minigolf, como forma de dar uma resposta às medidas que vêm sendo aprovadas no Congresso Nacional. Ao longo da semana, os professores também se revezarão em panfletagem em terminais de ônibus e nas entradas da universidade.

Os professores lutam contra a Reforma da Previdência; pela revogação da Emenda Constitucional (EC) 95, que congela recursos para áreas sociais, como Saúde e Educação, durante 20 anos; pela revogação da Reforma Trabalhista e Lei da Terceirização; em defesa da Educação Pública e por nenhum direito a menos.

Fonte: Adufs

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo