Policial

Em Itabaiana, Polícia Civil prende receptor de material furtado de empresa de construção. Autores do furto estão foragidos

A Delegada Lauana Guedes continuará com as investigações para a identificação dos autores do furto, apesar da prisão do receptador.
por Redação do Portal Itnet
12/03/2018 07:36h
Atualizado em 12/03/2018 08:00h

Na manhã da última sexta-feira, 09, o gerente administrativo de obras da empresa AS Itabaiana Construções SPE LTDA firmou um boletim de ocorrência informando que, em 26/02/18 “sumiram” 30 (trinta) tubos de aços de 3 polegadas e 78 (setenta e oito) tubos de 2 polegadas, sendo o valor unitário de cada um deles R$ 220,00 (duzentos e vinte reais) e 172,99 (cento e setenta e dois reais e noventa e nove reais), respectivamente.

O prejuízo aproximado da empresa foi de R$20.000,00 (vinte mil reais). Incontinente, sob a coordenação dos delegados Fábio Santana, Lauana Guedes e Elder Sanches, os policiais empreenderam diligências em pontos comerciais desta Cidade, a fim de localizarem a “res furtiva”, até que, na tarde do mesmo dia encontraram 30 tubos de 3 polegadas em uma sucata localizada em Itabaiana.

A vítima reconheceu, sem sombra de dúvidas, os tubos; e, após comprovação da propriedade, com a apresentação das notas fiscais, teve restituída parte dos produtos. Diante da situação flagrancial, o dono da sucata fora conduzido à Delegacia Regional de Itabaiana para a lavratura do procedimento.

Em seu interrogatório, o dono da sucata afirmou que há cerca de quinze dias comprou os materiais de dois indivíduos de uma empresa do ramo atacadista, que chegaram em um caminhão Muck, adquirindo cada tubo por R$120,00 (cento e vinte reais), valor bem abaixo do mercado.

A Delegada Lauana Guedes continuará com as investigações para a identificação dos autores do furto, apesar da prisão do receptador. A Delegacia Regional de Itabaiana sob a Gestão do Delegado Fábio Santana agradece a população pela colaboração nos resultados positivos obtidos. DISK 181 e denuncie seu sigilo será preservado!

Fonte e foto: Polícia Civil

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo