Policial

Cope prende envolvido em furto à casa lotérica localizada dentro de supermercado na capital

Rosevaldo foi preso no bairro Atalaia. Com ele foram apreendidos vários objetos provenientes de furtos mediante arrombamento de veículos.
por Redação do Portal Itnet
23/03/2018 10:19h

Uma ação desencadeada na tarde da quinta-feira, 22, pelas equipes do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), com o apoio de agentes da Divisão de Inteligência da Polícia Civil (Dipol), resultou na prisão de um dos envolvidos no furto a uma casa lotérica que funciona no interior de um supermercado localizado na zona sul de Aracaju. Trata-se de Rosevaldo Pedrosa de Albuquerque Júnior, vulgo “Cara de Jaca”, de 30 anos.

De acordo com o diretor do Cope, delegado Dernival Eloi, logo após a constatação do crime, ocorrido no dia 13 do corrente mês, as equipes do Cope e do Dipol iniciaram as investigações no intuito de identificar os possíveis autores do crime. “Durante os trabalhos, identificamos Rosevaldo como um dos envolvidos no furto. Diante disso, nossas equipes iniciaram as diligências no intuito de localizar e fazer a sua prisão, fato ocorrido nessa quinta, no bairro Atalaia”, disse.

Segundo o delegado Dernival Eloi, Rosevaldo faz parte de uma associação criminosa responsável também por duas tentativas de furto na zona sul de Aracaju, principal área de atuação do grupo. Uma dessas tentativas foi contra uma agência do Banese localizada no Distrito Industrial de Aracaju (DIA); o outro caso foi registrado em um ponto Banese localizado no GBarbosa Sul.

 

Arrombamento de veículos e produtos dos furtos

Após a prisão do criminoso, os agentes se deslocaram até a sua residência, localizada no bairro Aeroporto. Lá, eles encontraram diversos produtos oriundos de furtos mediante arrombamentos de veículos. O suspeito furtava absolutamente todos os pertences que encontrava nos carros, inclusive remédios e produtos de uso pessoal.

Foram encontrados mais de 60 relógios de diversas marcas e modelos, cerca de 40 aparelhos celulares e carregadores, tablets e outros dispositivos eletrônicos; bolsas e carteiras; material hospitalar; quatro estepes; um hooverboard, material esportivo. Além disso, foram encontradas furadeiras, oxigênio industrial para maçarico e outras ferramentas utilizadas nos arrombamentos.

Crimes em Sergipe e Alagoas

Ainda de acordo com o diretor do Cope, Rosevaldo coleciona diversas passagens pela polícia em Sergipe e Alagoas. “Além de crimes no nosso estado, contra ele existe um mandado de prisão pelo estado de Alagoas pelo crime de roubo à mão armada. Lá, ele participou de um assalto a uma propriedade rural onde os criminosos se passaram por policiais civis para cometer o crime”, salienta. Agora as investigações continuam no intuito de identificar e localizar outros envolvidos no crime.

Fonte e fotos: SSP/SE

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo