Cidade

Após quase dois anos no comando da Delegacia Regional de Itabaiana, delegado Fábio Santana poderá ser transferido

Informação circula nas redes sociais, mas até o momento nada oficial foi confirmado pela SSP.
por Redação do Portal Itnet
26/07/2018 11:14h
Atualizado em 26/07/2018 11:22h

Por Taís Cristina, da redação

Circula nas redes sociais a informação de que o atual Delegado Regional de Itabaiana, Fábio Santana deixará o comando da delegacia e será transferido para outro município.

Em conversa com a nossa equipe, Fábio disse que existe essa possibilidade, tendo em vista que é normal a troca de comando após um determinado período. [Ele está à frente da regional de Itabaiana desde outubro de 2016], porém, nada foi confirmado ainda de maneira oficial. A Secretaria de Segurança Pública (SSP) emitiu uma nota sobre o caso. Confira:

“As mudanças que acontecem se tratam de decisões administrativas da Delegada Geral, Katarina Feitoza, embora até o momento não haja uma decisão nesse sentido, mas, caso, ocorra estaremos informando à população e colegas da imprensa. Ressaltando que esse tipo de procedimento é bastante comum”.

Ao longo destes quase dois anos, Fábio desempenhou um trabalho exemplar à frente da delegacia, sendo responsável por operações importantes, pela elucidação de diversos crimes e várias prisões de infratores. Natural de Salvador, recentemente ele recebeu na Câmara de Vereadores o título de Cidadão Itabaianense.

Acompanhe um pouco do trabalho desempenhado por Fabio:

PRISÕES: Desde outubro de 2016, a Polícia Civil realizou 357 prisões de meliantes e apreensões de menores de idade que realizaram algum delito.

APREENSÕES: Sob o comando de Fábio, a Polícia Civil retirou cerca de 110 armas de circulação e apreendeu grande quantidade de drogas: maconha, cocaína e crack. Como exemplo temos os 22 kg de maconha apreendidos que seriam transportados para o município de Itabaiana na Operação Catedral.

OPERAÇÕES: Várias operações foram realizadas em Itabaiana sob o comando de Fábio, a fim de combater a criminalidade e cumprir mandados de prisão por diversos crimes. Dentre elas estão: Operação Baixada, Irmãos Metralha, Descarrilhar, Porto Seguro, Finalizar e Serra Segura, a mais recente. No total, 16 grandes operações foram realizadas.

ELUCIDAÇÕES: No período supracitado, todos os crimes de grande repercussão ocorridos em Itabaiana foram elucidados, como por exemplo, o duplo homicídio dentro do Hospital Regional, ocorrido no ano passado, tentativa de latrocínio contra uma médica, assalto ao Parque dos Falcões, latrocínio do vigilante Josivan e latrocínio que vitimou uma criança. Além de outros vários crimes elucidados.

LIGAÇÃO TRÁFICO E HOMICÍDIOS: A Polícia Civil realizou um estudo que comprovou que grande parte da taxa de homicídios ocorridos em Itabaiana tem alguma ligação com o tráfico de drogas. Cerca de 85% dos casos estão diretamente ligados às drogas, 10% estão ligados indiretamente (usuário que furta ou rouba para manter o vício.

Apenas 5% dos homicídios não possuem nenhuma relação, direta ou indireta com o tráfico. Por conta disso, a Polícia Civil buscou combater o tráfico, a fim de diminuir a taxa de assassinatos, e isso foi conseguido – em 2017 houve uma diminuição em relação ao ano de 2016 e até este mês de julho também houve redução em relação ao mesmo período do ano passado.

PARCERIA: Na gestão de Fábio Santana foi firmado um convênio entre a Delegacia Regional e o Ministério Público, que angariou em cerca de R$ 80 mil reais destinados a melhorar o trabalho desempenhado na delegacia, reestruturando a operacionalidade investigativa.

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo