Política

Vereador Vaguinho emite nota desmentindo boatos que circularam nas redes sociais no último sábado

Notícias sobre uma suposta prisão do vereador durante um evento político no sábado circularam de forma caluniosa.
por Redação do Portal Itnet
24/09/2018 08:56h

Na noite do último sábado, 22, alguns áudios começaram a circular nas redes sociais sobre uma suposta prisão do vereador Vaguinho de Vado de Olímpio Grande, sobre a acusação de compra de votos no Bairro Miguel Teles, e que o mesmo seria encaminhado à Polícia Federal.

De acordo com o mesmo áudio, o candidato a Deputado Estadual Talyson de Valmir também estaria no momento da abordagem policial. Durante a divulgação nas redes sociais, o vereador se encontrava em um ato político e ficou surpreso com a notícia.

“Repudio totalmente esse tipo de covardia que fizeram comigo, deixando amigos e familiares preocupados, meu telefone não parou de receber ligação”, afirmou o vereador.

Depois do ocorrido, Vaguinho, se dirigiu à Delegacia Regional de Itabaiana para prestar um Boletim de Ocorrência sobre o caso. “Vim na delegacia para que essas inverdades sejam apuradas pelo delegado, e que os responsáveis sejam punidos”.

O candidato a Deputado Estadual também deverá nesta segunda feira,24, registrar um BO sobre o ocorrido.

Confira na íntegra a nota do Vereador Vaguinho:

“Na noite do último sábado, 22, eu estava em ato político no bairro da Torre, quando fui pego de surpresa com a notícia que eu teria sido preso e encaminhado à Polícia Federal.   

Eu venho por meio desta nota tranquilizar a todos amigos e familiares que isso não passa de uma invenção de grupos políticos que a todo custo tenta denegrir a minha imagem e a imagem do candidato Talyson de Valmir.

No domingo pela manhã registrei um boletim de ocorrência na Delegacia, para que quem usou as redes sociais para fazer o mal seja punido e que estes fatos lamentáveis não voltem mais a acontecer em nosso município”.

 

Gostou? Compartilhe:

Comente Abaixo