Agentes da Adema realizam a soltura de 13 animais silvestres

Na última semana de janeiro, o órgão também executou o resgate de seis espécies.

Na última sexta-feira, dia 29 de janeiro, agentes da Administração Estadual do Meio Ambiente (Adema) realizaram a soltura de 13 animais silvestres, sendo seis aves, seis mamíferos e um réptil.

Os animais estavam sob os cuidados dos profissionais do Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), que nas últimas semanas trataram de algumas enfermidades pelas quais elas passavam, a exemplo de depressão, ferimentos diversos, além de outros cuidados específicos.

Foram devolvidos à natureza: uma arara-vermelha, três papagaios, e duas espécies de passeriformes, uma raposa, um mico, dois gatos mouriscos, dois macacos-pregos fêmeas e um cágado d’ água.

“Todos os animais silvestres encaminhados à soltura são provenientes de ações de resgate pelas equipes de fiscalização da Adema e também de entrega voluntária por parte da população. Os trabalhos realizados tiveram ainda a parceria do professor Victor Fernando Santana Lima, da Universidade Federal de Sergipe (UFS) e do Grupo de Estudos em Animais Silvestres do Sertão (Geas/Sertão), localizado no campus de Nossa Senhora da Glória”, explicou o diretor-presidente da Adema, Gilvan Dias.