Entre as medidas anunciadas estão operações de fiscalização visando o cumprimento do decreto governamental.

O Governo de Sergipe anunciou na última sexta-feira, 05, durante coletiva de imprensa, que vai intensificar as ações de combate ao coronavírus durante o mês de fevereiro em todo território do estado.

O principal objetivo é evitar a propagação do vírus, principalmente no período carnavalesco. Entre as medidas anunciadas estão operações de fiscalização visando o cumprimento do decreto governamental anunciado na quinta, 04, que proíbe a realização de festas no período de carnaval.

Uma Força-Tarefa, composta pelos seguintes órgãos: Vigilâncias Sanitárias Estadual e Municipal, Procon, Defesa Civil (Estadual e Municipal), além da Guarda Municipal, Polícia Militar e Corpo de Bombeiros terá a missão de realizar o trabalho de fiscalização, combatendo as aglomerações e promovendo  a dispersão em casos de flagrante desrespeito ao decreto governamental.

O litoral sergipano será um dos alvos da fiscalização, visto que as praias são bastante procuradas pelos turistas neste período.

Está proibida a realização em Sergipe, no período de 11 a 21 deste mês, de festas carnavalescas, a exemplo de blocos, prévias carnavalescas, apresentações musicais e shows, de caráter público ou privado.

“O decreto é editado em momento oportuno pensando no cenário que a gente está agora, que é de estabilidade, mas que pode sofrer alteração indesejada. Para evitar que isso ocorra, estas restrições surgem como medidas de contenção para que possamos conter a transmissão”, enfatizou Mércia Feitosa, Secretária de Estado da Saúde.

Participaram da coletiva de imprensa, além de Mércia, o Procurador-Geral do Estado, Vinícius Thiago Soares Oliveira, o coordenador de Operações do Corpo de Bombeiros, tenente-coronel Fábio, a gerente de ações estratégicas da Vigilância Sanitária de Aracaju, Jackelene Andrade e a diretora do Procon estadual, Tereza Raquel Martins.