Morre Emanoel Sobral, diretor técnico do Sebrae em Sergipe, vítima do coronavírus

Ele tinha 68 anos e também já foi prefeito de Itaporanga D’Ajuda.

Faleceu nesta terça-feira, 30, Emanoel Sobral, diretor-técnico do Sebrae em Sergipe, em decorrência do coronavírus. Ele estava internado no Hospital Primavera, na capital sergipana, desde o início do mês, tratando a doença.

Em nota, o Sebrae lamentou a morte de Emanoel e salientou as suas contribuições para a instituição.

“A Diretoria do Sebrae, o Conselho Deliberativo e os colaboradores, solidarizam-se com toda a família, ao tempo em que prestam todas as homenagens e agradecimentos por mais de 20 anos de história construída junto à instituição e aos empreendedores sergipanos”, diz a nota.

Ao longo da sua trajetória no Sebrae, por cerca de 20 anos, o empresário teve uma importante atuação na defesa dos pequenos negócios sergipanos e na criação de projetos que beneficiaram as micro e pequenas empresas.

Ele também já foi prefeito de Itaporanga D’Ajuda, sua cidade natal e trabalhou na Secretaria de Estado da Indústria, Comércio e Turismo, no Detran e na Segrase.

Emanoel era filho do ex-presidente da Alese, Manoel Conde Sobral e irmão do ex-deputado estadual, Eliziário Sobral.

Ele era casado e pai de quatro filhos. O seu sepultamento ocorreu no final da tarde desta terça, em um cemitério de sua cidade natal.