Mesmo quem perdeu o prazo previsto no cronograma de vacinação deve procurar uma unidade de saúde para regularizar a situação.

O Ministério da Saúde informou ontem, 13, que em Sergipe, cerca de 15.423 pessoas precisam tomar a segunda dose da coronaVac, vacina contra o coronavírus, para garantir a completa eficácia do imunizante.

Mesmo quem perdeu o prazo previsto no cronograma de vacinação, que é de 21 a 28 dias deve procurar uma unidade de saúde para regularizar a situação.

De acordo com o ministro Marcelo Queiroga, no Brasil, mais de 1,5 milhão de pessoas que estão aptas a tomarem a segunda dose, ou da coronaVac, ou da Oxford/AstraZeneca, ainda não se vacinaram.

Em relação a esta segunda vacina, a aplicação da segunda dose em Sergipe ainda não iniciou, visto que o intervalo de uma dose para a outra é de três meses.

Mesmo após tomar as duas doses, os cuidados das pessoas devem continuar: o uso de máscaras, álcool em gel, distanciamento e evitar aglomerações.

Até ontem, 13, a Secretaria de Estado da Saúde havia distribuído 268.112 vacinas para a aplicação da primeira dose e 257.186 foram aplicadas. Referente à segunda dose, foram distribuídas 160.251, sendo aplicadas até o momento, 73.632 doses.

O Ministério da Saúde também informou que criará estratégias junto aos estados e municípios, para fazer uma busca destas pessoas e imunizá-las, com esta segunda dose.