Por volta das 20:20, da última sexta-feira, 16, uma equipe da polícia militar foi solicitada por populares nas imediações do Colégio Monteiro Lobato.

Quando os policiais chegaram na localidade, encontraram uma adolescente com sinais de agressão, desacordada, com um pedaço de madeira entre as pernas, seminua e muito sangramento nas partes intimas.

De imediato os policiais acionaram o SAMU que encaminhou a vítima ao Hospital de Urgência Governador João Alves Filho. A polícia civil está no caso e precisa da ajuda da população para tentar identificar os responsáveis por esse crime bárbaro.