Mais de 700 itabaianenses foram imunizados contra a gripe no Dia D. Vacinação dos grupos prioritários continua

O Dia D da vacinação contra a gripe Influenza ocorreu na última quarta,21, e contou com 753 aplicações da vacina.

Foto: SMS

A vacinação contra a gripe Influenza em Itabaiana está ocorrendo desde a última segunda-feira, 19.

Na quarta, 21, Dia D da vacinação da primeira fase, que vai até 10 de maio, 753 pessoas foram imunizadas nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) da cidade serrana, segundo informou a Secretaria Municipal de Saúde.

Foram imunizados no Dia D, 641 crianças; 69 trabalhadores da saúde; 33 gestantes e 10 puérperas (mulheres até 45 dias de pós-parto).

A campanha nacional de vacinação é dividida em três etapas, nesta primeira devem ser vacinados até 10 de maio, os seguintes grupos prioritários:

• Crianças de 6 meses a menores de 6 anos;

• Gestantes e Puérperas (mulheres até 45 dias, pós parto);

• Trabalhadores da saúde;

• Povos indígenas.

Em Itabaiana, a imunização ocorre no horário das 8h da manhã às 16h, nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) da sede da cidade. É necessário levar um documento com foto, Cartão do SUS, comprovante de residência e o Cartão de Vacinação.

O Ministério da Saúde recomenda que as pessoas que tomaram a vacina contra o coronavírus aguardem um intervalo de 14 dias, para serem imunizadas contra a gripe.

DEMAIS FASES:

A segunda fase, que ocorrerá de 11 de maio a 08 de junho terá como alvo:

• Idosos com 60 anos ou mais;

• Professores das escolas públicas e privadas.

Na terceira fase da vacinação contra a gripe (09/06 a 09/07) deverão ser imunizados:

• Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais;

• Pessoas com deficiência permanente;

• Forças de segurança e salvamento, Forças Armadas;

• Caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário de passageiros urbano e de longo curso;

• Trabalhadores portuários;

• Funcionários do sistema prisional;

• Adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas;

• População privada de liberdade.