De acordo com a SSP, o Coronel faleceu em decorrência de complicações causadas pelo coronavírus.

Foto: SSP/SE

Faleceu na última segunda-feira, 10, aos 54 anos, o Coronel da Polícia Militar de Sergipe, Carlos Augusto Lima Brito. De acordo com a Secretaria da Segurança Pública de Sergipe (SSP/SE), o Coronel, que estava internado há cerca de um mês, no Hospital São Lucas faleceu em decorrência de complicações causadas pelo coronavírus.

Atualmente, Carlos Augusto estava na reserva remunerada da PM de Sergipe, tendo cumprido 31 anos de serviços prestados ao estado, através da polícia.

“Em sua brilhante trajetória na Corporação, o oficial exerceu diversas funções, com destaque para suas passagens como chefe de Gabinete de Segurança Militar durante a gestão do governador Marcelo Déda, diretor geral do Hospital da Polícia Militar, diretor da SMTT e, principalmente, como um dos grandes propulsores da Polícia Comunitária no estado de Sergipe”, enfatizou a Polícia Militar, em nota.

A SSP também emitiu nota lamentando a partida do Coronel e destacou a sua trajetória na segurança pública do estado.

“Todos os servidores da Segurança Pública lamentam profundamente o falecimento do coronel Carlos Augusto e oferecem as mais sinceras condolências à família, aos amigos, familiares e colegas de farda”, disse a SSP.

Além de policial militar, Carlos Augusto também era pastor evangélico.