O lote com 3 milhões de doses do imunizante estava previsto para chegar ao Brasil nesta terça-feira, 15.

A Farmacêutica Janssen adiou a entrega do lote com 3 milhões de doses da vacina contra o coronavírus, que chegariam hoje, dia 15, ao Brasil. Apesar disso, o Ministério da Saúde disse que acredita que a remessa chegue ainda esta semana.

Ainda conforme o Ministério, a farmacêutica não informou o motivo do adiamento, nem disse o dia certo que o lote será enviado.

O uso do imunizante no Brasil foi aprovado pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) no mês de março, quando também o Governo Federal adquiriu 38 milhões de doses do imunizante.

Ontem, 14, a Anvisa aprovou a ampliação do prazo de validade da vacina, de três para quatro meses e meio, sob temperatura de 2ºC a 8ºC.

A aprovação respondeu a um pedido da farmacêutica e ocorreu após a publicação da informação de que as doses previstas para este mês têm prazo de validade até dia o 27.