Ele foi preso por policiais militares que atuam no município malhadorense e confessou a prática criminosa.

Policiais Militares do 3º BPM que atuam em Malhador realizaram na noite de ontem, 21, a prisão do homem suspeito de ter invadido e furtado a Igreja Matriz do município, durante a madrugada. Os objetos que foram subtraídos foram recuperados pela PM.

A prisão ocorreu após análises de imagens câmeras de segurança e diligências no município. O homem, identificado como André Vieira da Silva, de 35 anos era o mesmo que fieis relataram ter tido um comportamento estranho durante a missa na noite do dia anterior.

Ele foi preso próximo de sua residência e parte do material furtado estava escondido num local próximo da igreja. O homem confessou a prática criminosa e disse onde estava o restante. “Ele confessou que escondeu o notebook na sede do fórum, onde está prestando serviço”, informou o Sargento da PM Edson Leite.

Os objetos furtados por ele serão devolvidos à igreja. Agora, o trabalho policial fica sob responsabilidade da Polícia Civil do município. “Além do flagrante será informado sobre o cometimento de crime ao juízo da Vara de Execução Penal, pois o apenado ainda usou o local onde está prestando serviço para esconder objetos subtraídos”, enfatizou a delegada Clarissa Lobo.

No dia do crime, antes de sair, o homem revirou tudo e ainda deixou recados que de ameaça, dizendo que voltaria. A população ficou amedrontada. De acordo com a polícia, em depoimento ele disse que escreveu isso apenas para despistar.

As polícias civil e militar agradecem a colaboração da população, que foi fundamental para o desfecho deste caso. Informações sempre podem ser passadas pelos números 181 e 190.

*Na imagem, os policiais encontraram parte do material furtado. Foto: PM