Os ginastas brasileiros Arthur Zanetti e Caio Souza também não subiram ao pódio nas disputas desta segunda, 02.

A ginasta brasileira Rebeca Andrade, de 22 anos disputou hoje, 02, a sua terceira medalha nas Olimpíadas de Tóquio 2020. Na prova do solo, Rebeca ficou na quinta colocação e encerrou a sua participação da competição com a medalha de ouro no salto e prata no individual.

Na prova de hoje, quem conquistou a medalha de ouro foi a norte-americana Jade Carey; Vanessa Ferrari, da Itália, levou a medalha de prata e o bronze teve empate, com a japonesa Mai Murakami e Angelina Melnikova, do Comitê Olímpico Russo.

A paulista Rebeca deixou o seu nome marcado no esporte do Brasil e se tornou a primeira brasileira a ganhar duas medalhas na mesma olimpíada.

“Hoje foi meu último dia de competição e eu gostaria de agradecer a todos por tudo, tudo, tudo mesmo! Eu não poderia estar mais grata e feliz, que sensação incrível! Grata por ter feito história e hoje poder inspirar mais pessoas! DEUS É BOM, FAMÍLIA!”, postou Rebeca, em suas redes sociais.

Os ginastas brasileiros Arthur Zanetti e Caio Souza também não subiram ao pódio nas disputas de hoje; nas argolas, Arthur ficou na 8º colocação, a mesma de Caio na prova do salto.

Até agora, o Brasil tem dois ouros, três pratas e cinco medalhas de bronze, totalizando dez medalhas em Tóquio.