VIOLÊNCIA: grávida de oito meses é morta a facadas em Aracaju. Companheiro da vítima foi preso

De acordo com a polícia, no momento da prisão, o homem confessou que cometeu o feminicídio.

No final da manhã da última quinta-feira, 19, um feminicídio foi registrado no povoado Robalo, na Zona de Expansão de Aracaju. A vítima foi morta a golpes de faca e o seu companheiro foi preso em flagrante, pela Polícia Militar.

A vítima foi identificada como Jackeline da Costa de Melo, de 22 anos, que estava grávida de oito meses; o bebê também não resistiu. O homem preso foi o Edielson Santos Vidal, de 31 anos.

Policiais do Batalhão de Policiamento Turístico (BPTur) foram acionados e estiveram na casa onde ocorreu o crime. “Os militares foram ao endereço indicado e, no interior do imóvel, localizaram o suspeito, que confessou ter cometido o crime por conta de uma suposta traição da esposa”, informou a polícia.

Jackeline foi encontrada ferida dentro do banheiro da casa, já sem sinais vitais. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e confirmou a morte.

Ainda segundo a PM, moradores da localidade disseram que o casal morava há aproximadamente dez dias na residência e a vítima não costumava ser vista fora do imóvel.

O homem preso em flagrante foi encaminhado a uma delegacia, para adoção das medidas cabíveis ao caso.