Governo de Sergipe mantém toque de recolher e permite 20% da torcida nos estádios

Para o acesso dos torcedores ao estádio, continua obrigatória a comprovação de recebimento da 1ª e 2ª doses ou a dose única de imunizante contra a Convid-19.

O Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae) prorrogou, na última quarta-feira, 22, as medidas de restrição e enfrentamento à Covid-19 vigentes no estado, com algumas alterações relacionadas apenas à permissão de público nos estádios em partidas oficiais do futebol profissional, organizadas pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).
 
Segundo a Resolução Nº 30, publicada no Diário Oficial do Estado desta quinta-feira, 23, fica mantido o toque de recolher entre a meia-noite do sábado e 5h da manhã do domingo. 

Quanto à permissão de público nos estádios de futebol profissional, autorizada com restrições na última quinta, 16, fica determinado que todos os portões de acesso aos setores comercializados devem ser fechados com antecedência mínima de 30 minutos do  início da partida. Também fica proibido o consumo e a comercialização apenas de bebidas alcoólicas no estádio.

Para o acesso dos torcedores ao estádio, continua obrigatória a comprovação de recebimento da 1ª e 2ª doses ou a dose única de imunizante contra a Convid-19; ou a apresentação de teste antígeno ou RT-PCR de Covid-19 negativo, realizado, no máximo, 72h antes da partida. Assim como, deve-se manter a ocupação de 20% da capacidade do estádio.

O acesso, de entrada ou saída do estádio, deve ser organizado para que não haja aglomeração de pessoas. É proibida a presença de torcida visitante e aglomeração de pessoas nas imediações do estádio no dia e local do jogo.

Ressalvados os técnicos, os atletas em campo e a equipe de arbitragem, durante o decurso da partida, o uso de máscaras é obrigatório para todos os demais presentes, incluindo atletas nos vestiários e nos bancos reservas, o público em geral, os profissionais de imprensa, de saúde, de segurança pública e de outras atividades.

O público deve permanecer prioritariamente sentado, com distanciamento mínimo de 1 metro entre as pessoas ou entre os grupos de coabitantes de até 4 pessoas, permanecendo vedada a aglomeração de pessoas.

Fonte e foto: Governo de Sergipe