Belivaldo fará reunião nesta semana e vai orientar que prefeitos não autorizem festas grandes de fim de ano

A preocupação é a nova variante do coronavírus, já registrada em todos os continentes.

Foto: Fan FM

O Governador de Sergipe Belivaldo Chagas anunciou durante entrevista à Fan FM, que vai participar de uma reunião com o Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae) nesta semana e que pedirá aos prefeitos, principalmente o de Aracaju, Edvaldo Nogueira, que não autorizem festas grandes de fim de ano.

A preocupação em questão é a nova variante do coronavírus, a Ômicron, com casos registrados já em todos os continentes. No Brasil, ainda não há confirmação de nenhum caso da variante, porém, todo o cuidado é pouco, para evitar uma nova onda de infecção e reinfecção.

“Estamos prestes a ver festas de Réveillon e festa de Carnaval. O mundo quer vir ao Brasil brincar Carnaval e o risco é o mundo trazer para o Brasil essa nova cepa, que é mais perigosa. Pelo amor de Deus, tudo menos de novo mais uma onda de Covid”, disse Belivaldo, durante a entrevista.

O gestor completou que é preciso ter “cuidado e juízo”. “Não tem governador que suporte, não tem prefeito que suporte, a população não aguenta mais. Você imagine a gente ter que voltar a trancar tudo. Portanto, é preciso ter muito cuidado e muito juízo”.

Sobre o Carnaval, o governador disse que Sergipe não tem essa tradição, e que neste primeiro momento quer tratar das festas de fim de ano, que estão mais próximas, e programadas. Como de costume, a reunião do Ctcae deverá ocorrer na quinta-feira, 02 de dezembro.