Mulher que aplicava golpes com a falsa venda de iPhones é presa em Aracaju

De acordo coma Polícia, ela oferecia os telefones num preço bem abaixo do mercado, mas os aparelhos nunca eram entregues.

Imagem ilustrativa

Na última quinta-feira, 02, uma mulher foi presa por suspeita de estelionato. Conforme as investigações, o caso tem a ver com a aplicação de golpes envolvendo a falsa venda de iPhones. A ocorrência foi registrada em Aracaju.

O caso está sendo investigado pelo Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri), sob o comando das delegadas Suirá Paim e Lauana Guedes, que tomou conhecimento da situação, após registro de um boletim de ocorrência.

“Por meio das investigações, constatou-se que o prejuízo aproximado de uma das vítimas foi de R$ 106 mil. A vítima, acreditando na história contada pela suspeita, cooptou parentes e amigos para adquirir os produtos fornecidos pela investigada”, detalhou a delegada Suirá Paim.

O golpe funcionava da seguinte maneira: a mulher oferecia os iPhones num preço bem abaixo do mercado, justificando que o valor baixo era “porque as empresas adquiriram esses produtos como o pagamento de uma dívida”, conta a delegada Lauana.

Mesmo as pessoas adquirindo e pagando pelos celulares, elas nunca recebiam os iPhones e aí então percebiam que se tratava de um golpe.

Conforme as investigações da Polícia Civil, a mulher já havia aplicado este golpe anteriormente, em Minas Gerais.

A Polícia Civil orienta que possíveis vítimas da investigada compareçam ao Depatri, em Aracaju, para o registro do boletim de ocorrência.