Garoto de dois anos morre ao prender cabeça na janela de um carro em Cristinápolis

O Instituto Médico Legal (IML) registrou o caso como “Morte por asfixia”.

No último domingo, 26, uma tragédia foi registrada no município de Cristinápolis, no Sul de Sergipe. Um garoto de dois anos morreu asfixiado, ao prender a cabeça na janela de um carro; a Polícia Civil está investigando o caso.

De acordo com a família, o menino estava com o avô materno em casa, quando teria subido num velocípede para ter acesso ao carro, que estava com o vidro da janela semiaberto. Neste momento, o brinquedo teria deslizado e o garoto ficado preso pelo pescoço.

O avô então levou o garoto ao hospital do município, onde ele já chegou sem vida e os funcionários acionaram o Instituto Médico Legal (IML), que registrou o caso como “Morte por asfixia”.

Com base nos depoimentos dos familiares, a Polícia Civil instaurou um inquérito, a fim de investigar este caso.