Com passagem por Friburguense e Oeste-SP, Ricardinho é o novo reforço do Falcon

Com o Campeonato Sergipano pela frente, o Falcon segue se reforçando. Após anunciar o goleiro Caio Borges, a equipe da Barra dos Coqueiros voltou ao mercado futebolístico e acertou com o meia Ricardinho, de 24 anos, ex-Friburguense e Oeste-SP. Natural de Santa Rita do Sapucaí, Minas Gerais, ele já foi integrado ao elenco do técnico Luciano Quadros e vem trabalhando para a temporada 2022.

Tido como uma das grandes promessas do Friburguense no futebol fluminense, Ricardinho defendeu o Serra Macaense na última edição da Série B1 do Campeonato Carioca, título que conquistou pelo Tricolor da Serra em 2019. Além do Frizão e do Oeste, o meio-campista defendeu também a camisa do Americano-RJ. Para o atleta, que também joga como lateral-esquerdo, uma série de fatores o levaram a assinar o contrato com o Falcon:

“O que me fez fechar com o Falcon foi a vontade que sempre tive de jogar no Nordeste. Outra motivação foi saber que é um clube-empresa, que busca também revelar jogadores. O trabalho do Luciano Quadros eu já conhecia do Rio de Janeiro, sei que é um treinador que sempre monta times fortes e que sempre chegam em decisões. Quando juntei todas essas coisas, vi que aqui era o melhor lugar que poderia estar”, explica.

O Falcon estreia no Estadual em 15 de janeiro, na Arena Batistão, diante do Sergipe. Para Ricardinho, a equipe vem realizando uma pré-temporada forte para chegar com o time em sua forma ideal quando soar o apito inicial.

“Estamos treinando muito forte porque sabemos que o nosso primeiro adversário é um dos grandes do Estado. Mas a gente vem trabalhando para chegar inteiro já na estreia, com empenho máximo e encarando todas as partidas como verdadeiras finais. Com esse pensamento, temos tudo para ir longe dentro da competição”, frisa Ricardinho.

O Falcon segue a sua fase de preparação no CT Ninho de Talentos, em Aracaju. A equipe teve folga para as festividades natalinas, mas já retornou aos trabalhos sob o comando de Luciano Quadros e sua comissão técnica.

Foto: Markus Trolleis/Falcon FC