Suspeito de assassinar idoso com requintes de crueldade é preso pela Polícia Civil

Em depoimento, o homem disse que cometeu o crime após ter sido assediado sexualmente pela vítima.

Na última segunda-feira, 27, a Polícia Civil realizou a prisão de Herllon Gleiton Souza dos Santos, de 24 anos, suspeito do homicídio que vitimou o idoso Almerindo Simões Bomfim, de 62 anos, em Aracaju, no mês de junho.

Almerindo foi morto com requintes de crueldade e no momento que foi encontrado, em seu apartamento no Bairro Bugio, no dia 10 de junho estava caído no quarto, com as mãos e pernas amarradas com fios, um travesseiro no rosto e lesões na cabeça.

“Após ser preso, o investigado confessou o crime e alegou que cometeu o homicídio por ter sido assediado sexualmente pela vítima. Durante as investigações, foram feitas várias diligências, depoimentos foram prestados e o DHPP contou com informações periciais importantes”, informou a Polícia Civil.

Herllon responderá pelo crime de Homicídio Qualificado e a sua prisão foi possível após um trabalho integrado do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e da Divisão de Inteligência e Planejamento Policial (Dipol).

Foto: redes sociais