Vídeo mostra policiais militares agredindo motoboy em Aracaju. PM emitiu nota sobre o caso

O fato foi registrado na semana passada e ganhou destaque nas redes sociais ontem, 29. O vídeo circula em várias partes do país.

Um dos assuntos mais comentados desta quinta-feira,30, é um vídeo, que desde ontem, 29, circula nas redes sociais e mostra policiais militares de Sergipe agredindo um motoboy, durante uma abordagem. O caso ocorreu na semana passada, em frente a um estabelecimento comercial da capital Aracaju.

O vídeo foi espalhado pelas redes sociais, como forma de denúncia e em vários momentos, o editor enfatiza e deixa em evidência os abusos cometidos pelos policiais, que dão socos e chutes no homem, de forma injusta; ele não desobedeceu a ordem dos policiais durante a abordagem, ficou em posição de revista e recebeu vários socos nas prtes íntimas.

A ação foi registrada por câmeras de segurança e o vídeo já circula por várias partes do Brasil; o motoboy registrou boletim de ocorrência.

Após a divulgação e repercussão do vídeo, a Polícia Militar se pronunciou através de nota e disse o caso será investigado pela Corregedoria da PM, a fim de apurar a conduta dos militares em serviço e também de tudo que é denunciado no vídeo.

Após as agressões e antes de irem embora, um dos policiais abraça a mulher que solicitou a presença da equipe para abordar o motoboy.

Pelo que se sabe até agora, a mulher tem desavenças com o proprietário do estabelecimento vizinho, onde o motoboy trabalha e já registrou boletins de ocorrência contra ele, porém, em relação ao rapaz, ainda não se sabe porque ela mandou os militares abordarem ele, concordou com a cena de agressão e ao fim, abraçou um dos policiais.

Confira na íntegra a nota da Polícia Militar:

Nessa quarta-feira, 29, o comando da Polícia Militar de Sergipe tomou conhecimento, por meio de um vídeo divulgado nas redes sociais da capital, das imagens de uma ação policial militar, com cenas fortes e com uma edição que trouxe acusações graves. Diante disso, o Comando da PMSE vem a público afirmar o seguinte:

-A diretriz do Governador do Estado, do Secretário de Segurança Pública e do Comandante da PMSE é no sentido de que o policiamento ostensivo  realizado pela Polícia Militar de Sergipe seja firme contra o crime e seus autores, nunca contra trabalhadores, que devem e são, em regra, protegidos pelas ações da Corporação. 

-A Polícia Militar de Sergipe realizou ao longo do ano mais de 800 mil abordagens e fatos como os mostrados no vídeo não refletem a marca de atuação dos milhares de policiais militares que estão nas ruas 24 horas por dia, sete dias por semana.

-Como SEMPRE é feito, os fatos já estão sendo devidamente e rigorosamente apurados, não só quanto às imagens, mas também, em relação às denúncias feitas na edição do vídeo.

-Por fim, afirmamos que a população pode e deve continuar confiante no trabalho da Polícia Militar de Sergipe, Corporação composta de Homens e Mulheres profissionais, cumpridores das suas obrigações e defensores do povo deste Estado, em conjunto com as demais forças de segurança pública. 

Veja o vídeo que circula nas redes sociais: