logo

Guia do Sergipão 2022: o que esperar de Atlético Gloriense, Boca Júnior, Freipaulistano e Maruinense

Esporte

Imagem Autor

Por Fabrício Santos

|

14/01/2022, às 18:19:00

Guia do Sergipão 2022: o que esperar de Atlético Gloriense, Boca Júnior, Freipaulistano e Maruinense

Neste sábado, 15, começa a principal competição de futebol de Sergipe: o Campeonato Sergipano. E para deixar você torcedor atualizado de tudo que virá pela frente, a Itnet preparou uma série de textos sobre os times que irão participar do estadual neste ano.

Ao todo, são 10 clubes no Sergipão 2022. São eles: Itabaiana, Sergipe, Confiança, Lagarto, Falcon, América de Propriá, Atlético Gloriense, Freipaulistano, Boca Júnior e Maruinense.

Dividido em dois grupos, o certame terá os integrantes do grupo A enfrentando os do grupo B em partidas de ida e volta. No grupo A, teremos Itabaiana, Sergipe, Freipaulistano, Atlético Gloriense e o América de Propriá. Na chave B, Lagarto, Confiança, Boca Júnior, Maruinense e o Falcon.

E para dar sequência a nossa série de textos, iremos falar dos times do interior do nosso estado: Atlético Gloriense, Boca Júnior, Freipaulistano e Maruinense.

+ Guia do Sergipão 2022: o que esperar dos recém-promovidos Falcon e América de Propriá

Atlético Gloriense: mais um ano na elite

Em 2022, o time de Nossa Senhora da Glória irá tentar repetir a dose do ano passado. Novamente sob o comando do técnico Carlos Alberto Dias, o Atlético Gloriense manteve metade dos jogadores que atuaram na campanha de 2021.

Entre eles, novamente está o nome do veterano Ramalho. Com uma carreira vitoriosa e conhecimento extenso do futebol sergipano, o volante de 41 anos deverá ser novamente o pilar do Touro do Sertão.

No ano passado, o Gloriense teve um começo difícil no Campeonato Sergipano. Todavia, após o retorno de Carlos Alberto Dias, o time fez uma campanha de recuperação sólida e terminou o returno da primeira fase sem sofrer uma única derrota.

Apesar do orçamento limitado, a expectativa neste ano é que o time consiga garantir a permanência na elite do Sergipão sem maiores dificuldades. Ademais, com a presença da torcida no estádio, não seria surpresa ver no Atlético Gloriense um dos times mais cascudos de se enfrentar neste campeonato.

Boca Júnior: um recomeço

Na última semana, fomos surpreendidos com a triste notícia do falecimento de Gilson Behar, presidente e principal investidor do Boca Júnior. Faltando poucos dias para o começo do estadual, o argentino sergipano perdeu aquele que sempre foi seu principal alicerce.

Sendo assim, o Sergipão de 2022 deverá simbolizar um recomeço para o Boca. Em 2021, chegou a disputar diretamente com Lagarto e Confiança uma vaga no mata-mata, mas perdeu força na reta final. Ainda assim, ficou marcado por uma campanha bastante interessante, tendo feito frente a todos os favoritos do campeonato.

Neste ano, não tem nenhum jogador de destaque no elenco. Behar sempre gostou de apostar em jovens, não atoa o jovem Rodrigo, hoje goleiro do Sergipe, foi o arqueiro menos vazado do estadual na edição do ano passado.

Em busca de novamente surpreender e de fazer valer todo o esforço e dedicação prestados pelo saudoso presidente, o Boca inicialmente deve brigar contra o rebaixamento. No entanto, de nada surpreenderia se novamente o genérico argentino arrancasse pontos e incomodasse os favoritos da competição.

Freipaulistano: uma incógnita tradicional

Todos os anos, desde que chegou à Série A1 do Campeonato Sergipano, o Freipaulistano é uma incógnita anes de começar o torneio. Em 2019, surpreendeu a todos e conquistou o título, um feito inimaginável e inesperado por todos.

Já em 2020, com mais dinheiro em caixa, teve um desempenho muito abaixo do esperado e decepcionou. No ano passado, pareceu dar sequência à queda de produtividade e flertou com o rebaixamento. Em penúltimo lugar de seu grupo, o Freipaulistano passou diversas rodadas sem vencer e foi beneficiado pelo antigo regulamento para não ser um dos rebaixados para a Série A2.

Neste ano, com o descenso sendo pela pontuação geral, o Touro do Agreste não vai ter espaço para falhas. Será preciso muita consistência e atenção para que o time de Frei Paulo não entre em maus lençóis neste Sergipão extremamente disputado.

Sob o comando do conhecido e experiente Edmilson Santos, o Frei terá cinco jogadores que fizeram parte do plantel do ano passado.

Maruinense: a dúvida sob o planejamento do Fantasma

O ano de 2021 parecia ser incrível para o Maruinense. De volta à primeira divisão depois de muitos anos, o time começou o Sergipão voando, estando entre os primeiros colocados do seu grupo e tendo o melhor ataque da competição.

No entanto, o Fantasminha se perdeu dentro do seu próprio planejamento. A parceria com empresários chegou ao fim, alguns jovens e bons jogadores foram embora e o time enfileirou treinadores na competição.

Em virtude do excelente começo, conseguiu se manter na primeira divisão sem maiores problemas. Mas e nesse ano? Bom, novamente o contexto é de poucas informações e perspectivas referentes ao clube.

A equipe será comandada pelo treinador Charles de Almeida, e para não sofrer com a oscilação que assolou o clube no ano passado, o plano de 2022 deverá ser claro e direto. Diante de um Sergipão cada vez mais disputado, o Maruinense não terá margem para muitos conflitos se quiser permanecer na elite.

it TV Plus

Assim como em 2021, a it TV Plus será o streaming oficial do Campeonato Sergipano. Ainda não é assinante it TV?! Aproveite agora mesmo nossas condições imperdíveis e garanta sua assinatura. São mais de 90 canais disponíveis para você assistir o que quiser. Futebol, basquete, Fórmula 1, filmes, novelas, séries e muito mais. Vai ficar de fora? Clique aqui e assine agora mesmo.

Foto: Tomaz Lima/Freipaulistano

Mais para Você