Belivaldo volta atrás e anuncia ponto facultativo nas repartições estaduais na segunda e terça de carnaval

Segundo o governador de Sergipe, a redução dos casos de coronavírus foi decisiva para a decisão.

O governador Belivaldo Chagas convocou a imprensa, na última quarta-feira, 23, para anunciar que voltou atrás e decidiu dar o ponto facultativo, nas repartições públicas estaduais, na segunda-feira e terça de carnaval, dias 28 de fevereiro e 1º de março, respectivamente.

Segundo ele, a redução dos casos e óbitos em decorrência do coronavírus foi decisiva para esta decisão, após consulta ao Comitê Técnico-Científico e de Atividades Especiais (Ctcae).

“Graças a Deus, os números de óbitos estão caindo, tanto de casos, como de pacientes internados em enfermarias e UTI também. Como as projeções não se confirmaram, deliberamos por revogar a suspensão dos pontos facultativos para o servidor público estadual”, disse o governador.

Vale lembrar que as medidas restritivas, para os eventos de lazer coletivo no período de carnaval continuam em vigor no estado. São elas:

O limite máximo de pessoas em eventos de lazer coletivo, como shows, blocos e micaretas é de 1 mil pessoas em locais externos e 300, em lugares internos. Não poderão ocorrer eventos de lazer coletivo em cidades que não tenham completado 75% de aplicação da segunda dose da vacina contra o coronavírus.

Os eventos de lazer coletivo, com mais de 200 pessoas em ambientes internos e 300, em locais externos, somente será permitido o acesso de pessoas que tenham recebido a 1ª dose e a 2ª dose contra o coronavírus, ou que apresentem teste antígeno/RT-PCR de Covid-19 negativo feito com no máximo 48h de antecedência.

No momento, conforme o último boletim da Secretaria de Estado da Saúde (SES), apenas 19 MUNICÍPIOS ESTÃO COM 75% OU MAIS, DA POPULAÇÃO IMUNIZADA COM A SEGUNDA DOSE.

São eles: Malhada dos Bois (81%), Graccho Cardoso (79%), Moita Bonita, Santa Rosa de Lima e Arauá, (78%), Aparecida, Cumbe, Areia Branca, Muribeca, Macambira e Itabi (77%), Amparo de São Francisco, Itabaiana, Itaporanga e Lourdes (76%), Capela, Pirambu, Poço Verde e Glória (75%).

Foto: Governo de Sergipe