DESPEDIDA: políticos, famosos, amigos e fãs homenageiam Paulinha Abelha nas redes sociais

“Paulinha fechou as cortinas aqui na Terra, para ir falar de música e amor lá no Céu”, homenageou a Calcinha Preta.

Quando a Banda Calcinha Preta informou na noite da última quarta-feira, 23, a morte de sua vocalista, Paulinha Abelha, rapidamente as redes sociais tornaram-se grande palco de homenagens à sergipana, conhecida como a “Musa do Forró”.

Políticos, famosos, músicos, amigos e fãs utilizaram as redes sociais para se despedirem de Paulinha, relembrarem algum momento especial da cantora e desejarem forças aos familiares e colegas de trabalho, neste momento de dor.

“Paulinha fechou as cortinas aqui na Terra, hoje, para ir falar de música e amor lá no Céu. Por uma eternidade vamos lembrar desta doce criatura!”, publicou a Calcinha Preta, banda casa de Paulinha, onde ela brilhou, cantou, dançou e encantou muito durante quase duas décadas. Os demais vocalistas, Daniel Diau, Silvania Aquino e Bell Oliver também prestaram muitas homenagens à colega e amiga.

O marido de Paulinha, o artista Clevinho Santos também postou uma foto de sua amada e escreveu: “Eu te amarei pra sempre”.

O cantor e ex-marido de Paulinha, Marlus Viana, postou o vídeo da música “Ainda te amo”, grande sucesso que estourou na voz dos dois e relembrou momentos especiais. “Ah, se todas as pessoas te conhecessem de verdade! Você foi e será de longe, o melhor ser humano que conheci”.

O presidente Jair Bolsonaro publicou uma foto, com a seguinte legenda: “Nosso forró sente hoje uma grande perda com o passamento da cantora Paulinha Abelha, um dos grandes nomes da lendária banda Calcinha Preta. Nossos votos de pesar e solidariedade aos familiares, amigos e fãs da cantora”.

Belivaldo Chagas, governador de Sergipe e conterrâneo da cantora, também se pronunciou: “Paulinha Abelha era natural de minha terra Simão Dias e tinha uma carreira de 30 anos de sucesso na música nacional. Deixo os meus sentimentos para os parentes, amigos e milhões de fãs que Paulinha conquistou durante todo este tempo”.

O prefeito de Simão Dias, terra natal de Paulinha, Cristiano Viana, também homenageou a cantora e decretou luto oficial de três dias na cidade, em respeito à morte da musa do forró.

Diversos políticos sergipanos, como prefeitos, senadores, deputados e vereadores também expressaram tristeza pela partida de Paulinha nas redes sociais.

Cantores de forró e de outros gêneros também se despediram de Paulinha. “Que tristeza te perder tão precocemente! Que sua passagem seja de muita luz e que todos aqueles que te amam sejam confortados por Deus”, publicou Wesley Safadão.

Solange Almeida postou um vídeo de Paulinha e escreveu o seguinte: “É assim que vamos lembrar de vc: com essa energia, esse sorriso, essa leveza. Deus te receba minha amiga”. Joelma também se pronunciou: “Paulinha, sua voz, seu sorriso, sua alegria, sua luz, sua amizade e seu carinho sempre comigo… tudo isso ficará guardado eternamente na minha memória e no meu coração”.

Outros cantores, como Gusttavo Lima, Xand Avião, Luan Santana, Gustavo Mioto, Unha Pintada, Devinho Novaes, entre outros, também se despediram de Paulinha.

Natural de Simão Dias, dona de muito talento, carisma e simpatia, Paulinha tinha 43 anos e dedicou 25 anos à música, sendo 18, como vocalista da Calcinha Preta. Em sua voz, vários sucessos foram cantados para o Brasil, como “Baby doll”, “Louca por ti”, “Ainda te amo”, “Sonho lindo”, “24 horas de amor”, “Furunfa”, entre tantos outros.