Calcinha Preta anuncia retorno dos shows, após morte de Paulinha Abelha

Num vídeo nas redes sociais, Bell Oliver, Daniel Diau e Silvânia Aquino agradeceram o carinho dos brasileiros.

A banda Calcinha Preta retornará aos shows, sem Paulinha Abelha, no próximo fim de semana. O anúncio do retorno foi feito pelos vocalistas da banda na última sexta-feira, 04, através de um vídeo divulgado nas redes sociais.

O primeiro show será no dia 11 de março, no município de Mata Roma, no Maranhão; no dia seguinte, a banda se apresenta em Palmares, no estado de Pernambuco.

No vídeo, os vocalistas Bell Oliver, Daniel Diau e Silvânia Aquino agradeceram o carinho, orações e apoio dos brasileiros e todos os fãs da Calcinha Preta, no momento difícil, que foi o falecimento de Paulinha Abelha. Eles ressaltaram que o momento é delicado, mas precisam seguir em frente.

“Precisamos recomeçar, pelo amor que sempre vai existir em nosso coração e nas músicas que a Abelha eternizou”, disse a Calcinha Preta.

MORTE DE PAULINHA:

Paulinha foi internada no Hospital Unimed, em Aracaju, no dia 11 de fevereiro, com um quadro de insuficiência renal. No dia 17, ela entrou em coma profundo e foi transferida para o Primavera, onde seguiu internada até o dia  23, quando faleceu, após o agravamento de lesões neurológicas.

Ela faleceu aos 43 anos e durante quase duas décadas, com seu talento e encanto brilhou muito na Calcinha Preta. Em sua voz foram eternizados grandes sucessos da banda, como Babydoll, Sonho lindo, Louca por ti e Onde o sonho mora.

O laudo sobre a causa da morte, que poderia ser divulgado na sexta-feira, 04, conforme informou à imprensa o empresário da banda Calcinha Preta, Diassis Marques, ainda não saiu.

Conforme as últimas informações, os médicos aguardam o recebimento dos resultados de todos os exames que foram feitos, entre eles, biopsias, para passarem tudo à família da cantora.

O ÚLTIMO ADEUS:

A despedida de Paulinha Abelha foi marcada por muita emoção, comoção e homenagens. Foram feitos dois velórios, um em Aracaju e outro em Simão Dias, a sua cidade natal, onde ocorreu o sepultamento. Nos dois dias, uma multidão se fez presente, para dar o último adeus à cantora.