Projeto que prevê a redução do preço de combustíveis, de autoria de Rogério Carvalho é aprovado no Senado

O objetivo é reduzir o valor dos combustíveis nos postos e evitar a oscilação constante de preços para o consumidor.

Os senadores aprovaram na última quinta-feira, 10, o projeto de lei, de autoria inicial do Senador Rogério Carvalho (PT/SE), que visa estabilização dos preços de combustíveis (gasolina, diesel e gás de cozinha) no Brasil e consequentemente, a sua redução, no preço final que o consumidor paga. O texto agora será votado na Câmara.

“O projeto cria um sistema de bandas de preços, que limitará a variação, e uma conta federal para financiar essa ferramenta. Além disso, estabelece um auxílio de até R$ 300 mensais para motoristas autônomos de baixa renda”, informou a Agência Senado.

O texto inicial foi do sergipano Rogério Carvalho e o relator do projeto final aprovado em plenário foi o Senador Jean Paul Prates (PT/RN). Se aprovado, o projeto também vai ampliar o auxílio-gás – que já é pago – dobrando o alcance do benefício que custeia parte do botijão de gás.

Os outros dois senadores por Sergipe, Alessandro Vieira e Maria do Carmo Alves também votaram favoráveis à aprovação do projeto. No total foram 61 votos a favor, oito contra, um senador não votou e onze estiveram ausentes na votação.

“É urgente mudar a política de preços da Petrobras. Não é possível que poucos acionistas privados da empresa ganhem em cima do sacrifício do povo brasileiro”, afirmou Rogério Carvalho, em suas redes sociais, após a aprovação.

Foto: Agência Senado