Detento oferece R$ 20 mil para policial penal liberar entrada de drogas e outros materiais no Copemcan

O homem foi interceptado e conduzido à delegacia competente, para as devidas providências.

Na última quinta-feira, 24, um detento do Complexo Penitenciário Dr. Manoel Carvalho Neto (Copemcan), em São Cristóvão foi interceptado em flagrante, por oferecer R$ 20 mil para que um policial penal liberasse a entrada de drogas e outros materiais ilícitos no presídio.

De acordo com a Sejuc, tudo aconteceu quando o policial penal foi abordado pelo interno, que o fez a “proposta”, que não foi aceita pelo agente.

“Logo em seguida, outro colega policial questionou ao interno a respeito da suposta proposta ilícita, momento esse em que o interno confirmou que realmente realizou a proposta para o outro servidor. Os policiais procuraram os superiores da unidade e comunicaram a conduta ilícita”, informou a Sejuc.

Foi dada a voz de prisão ao detento, por corrupção ativa e ele foi conduzido para a delegacia competente, para serem tomadas as devidas providências.