Policial penal investigado por tentativa de entrega de celulares a detentos do Copemcan é preso

O servidor estava sendo investigado desde outubro do ano passado.

Na última quarta-feira, 30, um policial penal foi preso pela Polícia Civil. Ele é investigado pela tentativa de entrega de celulares a detentos do Copemcan, em São Cristóvão.

O servidor estava sendo investigado desde outubro do ano passado. “Este ano recebemos mais denúncias. E fomos investigar a fundo. Com o que reunimos, conseguimos pedir a prisão preventiva dele bem como um mandado de busca e apreensão”, detalhou a delegada Brenda Souza.

Em cumprimento a mandado de busca e apreensão, os policiais civis encontraram vários carregadores de celular, diversos celulares e chips. Os policiais não encontraram a arma de servidor, que ele disse que havia sido furtada.

“Os crimes pelos quais ele está sendo investigado são o de prevaricação imprópria, que seria a entrada celular no presídio, corrupção passiva, porque ele recebia dinheiro por conta desses celulares, e o tráfico de drogas porque ele também vendia entorpecentes”, completou a delegada Brenda Souza.

A ação policial foi realizada pelas equipes do Departamento de Narcóticos (Denarc), com o apoio da Secretaria da Justiça, do Trabalho e da Defesa do Consumidor (Sejuc).

Foto: SSP/SE