Enteado é preso suspeito da morte de idoso em Moita Bonita

Conforme as investigações, a vítima foi empurrada pelo enteado e bateu a cabeça.

A Polícia Civil conclui o inquérito, referente à morte de um idoso de 81 anos, morador do povoado Capunga, em Moita Bonita. O enteado da vítima foi preso, suspeito de ter empurrado o senhor no momento que ele tomava banho; após isso, ele bateu a cabeça no chão.

“Conforme apurado pela polícia, na madrugada do dia 27 de dezembro de 2021, a vítima, Hélio Ribeiro da Silva, de 81 anos, foi empurrada pelo enteado, de 56 anos, enquanto tomava banho, e bateu a cabeça no chão. O suspeito foi preso no dia 22 de março, em cumprimento a mandado de prisão preventiva”, informou a Polícia Civil.

No dia da queda, o idoso foi socorrido pelos próprios familiares, que não comunicaram nada à Polícia Militar e por conta própria levaram ele ao hospital. Hélio morreu 13 dias depois de que foi internado no Hospital de Urgências Gov. João Alves Filho, em Aracaju.

De acordo com a PC, nos autos da investigação consta um vídeo, em que o idoso, no hospital fala que foi empurrado pelo enteado e caiu duas vezes.

“O suspeito do crime era usuário de drogas e costumava agredir a vítima com frequência”, concluiu a Polícia Civil.