Tatuador é preso por aliciamento de menores em Itaporanga              

Na última quarta-feira, 20, a Polícia Civil do município de Itaporanga D’Ajuda cumpriu o mandado de prisão definitiva contra um tatuador, acusado de aliciar menores de idade em seu estúdio.

O homem foi abordado pela polícia no ano de 2019, por manter na fachada do seu estúdio de tatuagem, localizado em Itaporanga, um cartaz oferecendo tatuagens em troca de favores sexuais. À época, o investigado confessou ter tatuado menores de idade sob a condição de permuta pela concessão de atos libidinosos.

O tatuador foi processado e condenado a uma pena de dois anos e quatro meses pelo crime de aliciamento de menores, previsto no artigo 241-D da Lei 8.069/90 do Estatuto da Criança e do Adolescente, que afirma ser crime “aliciar, assediar, instigar ou constranger, por qualquer meio de comunicação, criança, com o fim de com ela praticar ato libidinoso”.      

Fonte: SSP/SE